Mogi assume terceiro lugar no NBB - O Diário - Mogi das Cruzes , Suzano e Região do Alto Tiete
Fechar

           ESPORTES

Mogi assume terceiro lugar no NBB

Esportes

 Jimmy protege a bola durante o jogo de ontem contra o Virória, na Bahia, pelo NBB  / Foto: Divulgação - Jéssica Santana - Universo Vitória

Jimmy protege a bola durante o jogo de ontem contra o Virória, na Bahia, pelo NBB / Foto: Divulgação – Jéssica Santana – Universo Vitória

O Mogi/Helbor realizou mais um jogo de recuperação e de virada venceu confronto direto com o Vitória, em pleno Ginásio de Cajazeiras, ontem à tarde, em Salvador. O placar de 63 a 60 (24 a 33 no primeiro tempo) valeu a terceira colocação ao time mogiano na 9ª edição do Novo Basquete Brasil (NBB9). Como no duelo com o Solar Cearense, em que chegou a estar perdendo por 21 pontos, o grupo do Alto Tietê mostrou mais uma vez um incrível poder de reação, ontem. Na partida, o elenco baiano chegou a abir uma vantagem de 17 pontos (48 a 31), mas a equipe do técnico reagiu no último quarto, virou o confronto no minuto final e conquistou mais um expressivo triunfo em solo nordestino.
O resultado deixou o time mogiano na terceira colocação, com campanha de 15 vitórias em 22 jogos (68,1% de aproveitamento). Já o Vitória não só perdeu o terceiro lugar como ainda saiu do G-4. Com isso, os baianos foram ultrapassados pelo Bauru e agora ocupam o quinto lugar, com 14 triunfos em 21 partidas (66,6% de aproveitamento).
O jogo de ontem marcou o quarto e último duelo da série fora de casa do Mogi. O saldo foi bem positivo com uma derrota para o Flamengo e três vitórias: Macaé, Solar Cearense e Vitória.
Agora os mogianos vão iniciar uma sequência de quatro partidas seguidas no Ginásio Municipal, sendo que o primeiro duelo será contra o vice-líder Brasília, às 19h30, do próximo dia 7. Depois os mogianmos recebem Minas, Campo Mourão e Pinheiros.
Contra o Solar Cearense, Shamell foi o grande motivador da reação mogiana e fez 33 pontos. Agora, contra o Vitória, ele apareceu de novo. Com menos de dois minutos para o fim, o camisa 24 fez oito pontos, vindos de uma incrível bola de 3, uma falta e cesta com lance livre convertido e mais dois tiros livres certeiros na sequência, o que deixou a vantagem do Mogi em quatro pontos (62 a 58).
Em meio a um jogo bastante truncado, o Vitória não apresentou um bom desempenho ofensivo. Com 12 pontos, Arthur foi o maior anotador do time. Muito marcado, Kenny Dawkins fez apenas nove pontos, sendo sete deles no último quarto, e quebrou sua sequência de 14 jogos pontuando em dígitos duplos. Seu compatriota Chris Hayes também fez nove pontos e ainda pegou sete rebotes.

Compartilhe nas redes sociais...Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone