Heraldo Duarte expõe em doceria de Mogi - O Diário - Mogi das Cruzes , Suzano e Região do Alto Tiete
Fechar

           CADERNO A - CAPA

Heraldo Duarte expõe em doceria de Mogi

Caderno A - Capa

Trinta obras de Heraldo estarão expostas no Centro de Mogi. (Foto: Eisner Soares)

Trinta obras de Heraldo estarão expostas no Centro de Mogi. (Foto: Eisner Soares)

Com o tema “Arte que é Arte Embeleza toda Parte”, o artista plástico Heraldo Duarte, adepto ao estilo naïf, expõe, a partir desta quinta-feira (22), 30 obras de sua autoria no restaurante e doceria Frezzatto, no Centro de Mogi das Cruzes. A mostra fica no local até a próxima terça-feira, com entrada gratuita. O pintor tem levado suas peças para fora do Estado e planeja ampliar o grupo Arte em Movimento, idealizado por ele, no ano que vem.

Duarte, conhecido no circuito alternativo das artes plásticas, costuma abordar em suas pinturas o Divino Espírito Santo e os festejos religiosos da Cidade. Em alguns quadros, Heraldo adere à “liberdade artística” e lança um grupo de rezadeiras numa praia ou faz uma homenagem aos integrantes do grupo Mamonas Assassinas com a chamada “arte ingênua”. Expressão em suas obras é plural, como ele mesmo gosta de dizer.

“Eu gosto de retratar coisas diversas. O meu objetivo com esta exposição é levar um pouco do conceito que eu retrato para outros artistas. É uma troca de experiências, de ideias, de técnicas. São 30 obras que eu trago para esta exposição. Alguns artistas estão deixando o naïf de lado, mas eu pretendo continuar no estilo que me abriu as portas e me ensinou muita coisa”, disse.

As obras ficam em exposição até o dia 27, das 10 da manhã às 21 horas. Os quadros estão disponíveis para venda. Os preços variam de R$ 30,00 a R$ 800,00.

Os visitantes poderão cadastrar-se no sorteio de uma das obras do artista a ser realizado no dia 27, depois do fechamento do evento.

Arte em Movimento
Com 18 anos de carreira, Heraldo calcula já ter pintado mais de 300 peças e quadros neste período. Ele idealizou, em parceria com outros artistas de Mogi, o grupo “Arte em Movimento”. Na atualidade, o coletivo é composto por 12 artistas plásticos. Duarte pretende reunir mais 30 para organizar exposições, montar ações em conjunto e pleitear participação artística em eventos municipais. “Há muitos artistas que precisam ter espaços para divulgar a sua obra porque não são tão conhecidos. Existem tantos talentos em Mogi que podem ser descobertos”, disse.

Interessados em participar do grupo Arte em Movimento podem procurar Duarte pelo telefone 11 9 7587-9158.

Bienal do Alto Tietê
Para a segunda edição da Bienal de Artes do Alto Tietê, prevista para 2017, Heraldo pretende mostrar um trabalho com características contemporâneas. “Apesar de já estar adaptado ao estilo naïf, nesta participação trarei uma obra com recorte contemporâneo que abrange mais expressões culturais”, afirmou.



Ele tem tentado retomar as mostras por Mogi das Cruzes depois de uma passagem por Fortaleza (CE). Lá, ele expôs no Marina Park Hotel a convite de alguns amigos.

Compartilhe nas redes sociais...Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone