Festa de Santana começa nesta segunda-feira em Mogi - O Diário - Mogi das Cruzes , Suzano e Região do Alto Tiete
Fechar

           CIDADES

Festa de Santana começa nesta segunda-feira em Mogi

Cidades

Festeiros, capitães de mastro e funcionários rezaram por Santana, junto ao altar instalado na sede de O Diário. (Foto: Eisner Soares)

Festeiros, capitães de mastro e funcionários rezaram por Santana, junto ao altar instalado na sede de O Diário. (Foto: Eisner Soares)

SILVIA CHIMELLO
A festa da padroeira de Mogi das Cruzes traz um apelo ecológico neste ano. “Santana em Defesa da Ecologia” foi o tema escolhido em homenagem à Campanha da Fraternidade de 2017, que alerta sobre a necessidade de cuidar e proteger a natureza. Para o evento que acontece entre a partir desta segunda-feira (17) até 26 de julho, os organizadores esperam um público de mais de 15 mil pessoas durante os 10 dias de festejos.

A programação religiosa e festiva será concentrada na Catedral Diocesana. A quermesse acontecerá todas as noites na Praça Coronel Almeida, em frente ao templo, no Centro da Cidade. Os festeiros Cleusa Santiago Pereira e Valmir Donizete Pereira, empenhados em promover o crescimento do evento do Município, pretendem atrair o público especialmente com as celebrações religiosas.

A divulgação da fesa está sendo feita através de folders, cartazes e das mídias sociais. Os festeiros, juntamente com os capitães de mastro Ana Maria da Costa Guimaraes e Villas Mendes Guimaraes, decidiram instalar apenas dois altares neste ano. O primeiro local que recebeu a imagem da Senhora Santana foi o jornal O Diário, com a realização de uma cerimônia religiosa na tarde de anteontem. O outro altar será instalado no próximo dia 19, às 16h30, no hall da Prefeitura de Municipal.

A abertura da Festa acontecerá amanhã, às 18h30, com hasteamento do Mastro, seguido de missa presidida pelo bispo diocesano dom Pedro Luiz Stringhini, acompanhado do Coral de Santana. Todas as noites serão realizadas missas, cada dia celebrada por um padre. Um dos pontos altos da festa será a celebração pelo padre cantor Alessandro Campos, no dia 20, às 19 horas, quando é esperado um grande número de fiéis de Mogi e de outras regiões, que se organizam em caravanas para participar das apresentações com a presença do religioso.

Também vão celebrar missas o pároco da Catedral, Claudio Delfino, dia 18, além dos padres Ézio Bellini (19), Leandro Silvestre (21), Wally Soares Silva (22), Antônio Gonçalves (23), Rômulo Avagliano (24), e bispo emérito dom Paulo Mascarenhas Roxo (25). Na quarta-feira dia 26, às 16 horas, haverá a tradicional procissão, seguida de missa presidida novamente por dom Pedro Stringhini.

O festeiro Valmir Pereira, que também é diácono permanente da igreja, conta que o meio ambiente será celebrado desde a confecção dos adornos da imagem da Senhora Santana, tudo com flores e enfeites naturais. Todo o lixo das barracas, inclusive o óleo usado para frituras, será reciclado.

Ele disse que na quermesse haverá entre 12 e 15 barracas, que já começaram a ser instaladas na Praça da Catedral. Além do afogado e dos pratos típicos, também haverá bingo e o sorteio de uma moto Honda CG.

O casal espera contribuir com o crescimento da festa da padroeira, uma das mais antigas, comemorada há muito tempo, a exemplo da Festa do Divino. Além da importância da tradição, o festeiro disse que as homenagens feitas à santa, mãe de Maria e avó de Jesus, “se estende a todas as famílias”.



Compartilhe nas redes sociais...Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone